Onde presenciar os fenômenos naturais mais legais da Terra?

Compartilhe!

A natureza é um verdadeiro presente, uma fonte de vida, encantamento e ciclos que muitas vezes não seremos capazes de explicar. E os mistérios que a permeiam podem ser presenciados a olho nu quando acontecem os chamados fenômenos naturais.
 
Há muitas coisas que englobam esta vertente, sendo que até mesmo um simples arco-íris é considerado um fenômeno natural. Ciclones, geadas, neve, nevoeiro, raios, tornado e vulcões são ainda alguns dos casos que acontecem sem a intervenção humana.
 
Com este poder todo em mãos, o melhor mesmo a se fazer é não mexer com a natureza. Mas podemos contemplar estas e outras maravilhas que nos deixam de queixo caído:
 

1.Pororoca

Na Amazônia é possível presenciar a Pororoca, que acontece devido o encontro das correntes de maré do oceano Atlântico com as correntes fluviais do rio Amazonas, sempre durante a lua nova e a lua cheia. O choque entre as águas causa ondas gigantescas. A foto abaixo foi feita no rio Araguari.
 
POROROCA_RG LOCAL
Outro fenômeno incrível na região é o encontro das Águas, que acontece entre o Rio Negro e o Rio Solimões.
 
ENCONTRO DAS AGUAS_RG LOCAL
 

2.Lago Abraão

Na região de Alberta, no Canadá, uma cena curiosa acontece no Lago Abraão: bolinhas de metano, liberadas pelas plantas aquáticas, acabam congelando quando presas abaixo da camada de gelo.
 
ABRAAHAM LAKE_RG LOCAL
 

3.Círculos de Fadas

Na Namíbia, os misteriosos “Círculos de Fadas” ainda deixam todos confusos. Segundo estudos, eles se formam através de cupins de areia em regiões remotas e acabam sumindo depois de um tempo.
 
CIRCULO DAS FADAS_RG LOCAL
 

4.Deserto Florido

O Deserto do Atacama, no Chile, é famoso por suas inúmeras paisagens exuberantes. Entre elas está o atípico deserto florido, que acontece quando o índice de umidade está alto, coisa que é rara na região, que recebe apenas 12 mm de chuva por ano.
 
DESERTO FLORIDO_RG LOCAL
 

5.Vale da Morte

Na região do Vale da Morte, nos Estados Unidos, um fenômeno geológico bastante intrigante acontece. Mesmo pesando cerca de 300 quilos cada, as chamadas Pedras de Vela se movem sozinhas, sem intervenção alguma, deixando seus rastros marcados no chão.
 
VALE DA MORTE_RG LOCAL
 

6.Lago Natron

Na região da Tanzânia, quem desperta curiosidade é o Lago Natron. As águas salinas são fonte de minerais termais no leste da África, acolhendo 2,5 milhões de flamingos-pequenos.
 
LAGO NATRON_RG LOCAL
 

7.Ondas Bioluminescentes

Um dos fenômenos naturais que mais encantam as pessoas são as ondas bioluminescentes, que acontecem por conta de várias espécies fitoplâncton que tem o poder da bioluminescência, transformando a terra molhada pelas marés em energia luminosa. O fenômeno pode ser visto numa praia nas Maldivas e no Uruguai.
 
ONDAS BIOLUMINESCENTES_RG LOCAL
 

8.Ilha do Natal

A Ilha do Natal, território da Austrália, fica tomada por um mar vermelho anualmente. Mas não é formado por água, e sim mais de 40 milhões de caranguejos que migram para a região a fim de colocar seus ovos no oceano.
 
CARANGUEIJO_RG LOCAL
 

9.Aurora Boreal

O céu sempre nos traz coisas maravilhosas, como é o caso da aurora boreal. O fenômeno acontece em países nórdicos, como a Islândia e a Escandinávia, estampando luzes em tons de verde, roxo e rosa no céu. São partículas energizadas vindas do sol, atraídas pelo campo magnético terrestre dos pólos norte e sul entre setembro e março.
 
AURORA BOREAL_RG LOCAL
 

10.Lago Perdido

Lá vem os Estados Unidos novamente com um lugar esquisito. Em Oregon, o chamado Lago Perdido tem chamado a atenção por conta de um buraco no local, que simplesmente suga toda a água entre a primavera e o verão. No inverno, ele volta a encher e fica tudo bem. Cientistas explicam que um tubo de lava subterrâneo pode ser o responsável pelo escoamento.
 
LAGO PERDIDO_RG LOCAL
 
Abaixo, você confere um vídeo que mostra outros fenômenos incríveis da Terra:
 

Natural Phenomena from Videosapien on Vimeo.

 
(Texto adaptado do site QuantoCustaViajar)

Se você gostou deste post deixe o seu comentário ou assine o RSS feed para receber as próximas matérias em seu feed.

Gabriel Valluis

gvalluis@gmail.com

No Comments

Post a Comment